Para que serve o conhecimento?

Todos os dias milhares de pessoas estão debruçadas sobre um tema qualquer tentando desenvolvê-lo. É desse ato de dedicação, empenho, perseverança que nascem respostas para a maioria dos problemas da humanidade. A solução para os problemas de moradia, trânsito, saúde etc etc surgem como resultado de pesquisas.

Parte desse trabalho é desenvolvido dentro das universidades. Ali estão mentes brilhantes que procuram entender o que acontece com a humanidade. Partindo de um problema, com base numa hipótese, são procuradas as respostas que todos nós almejamos. E elas aparecem como fruto de muito trabalho.

Mas esse cenário aparentemente perfeito nem sempre tem resultados práticos. Por uma razão muito simples: os pesquisadores mantêm suas descobertas guardadas em armários, bibliotecas e, quando um pouco mais modernos, na internet. Tudo em artigos, dissertações e teses extensos, com linguagem difícil, rebuscada, incompreensível aos leigos.

Na prática, chega à população apenas uma pequena parte do que se produz de conhecimento. Então, para que serve o conhecimento? Por que se estuda tanto? Qual a finalidade de tantas pesquisas? Qual a função social de nossos cientistas? Parece-me que conhecimento que fica entre quatro paredes não traz benefícios para a sociedade. Ele precisa romper os muros da academia, chegar ao povo.

Entretanto, como fazê-lo? Qual canal utilizar? Creio que nada alcança de maneira mais rápida e eficaz a população que a imprensa. Por mais que sejam criticados, os meios de comunicação ainda são a melhor estratégia para se falar com as pessoas. Acontece que muitos pesquisadores preferem participar de seminários, convenções, debates a falar com jornalistas. Entendem ser mais útil discutir com seus pares que promover o conhecimento entre a população. Por conta disso, acabam por contribuir com a manutenção da ignorância. Alguns deles, inclusive, têm mania de fazer “charminho” quando recebem um convite para falar. Demonstram ignorar por completo a lógica de uma redação – onde não se pode deixar nada para amanhã.

Defendo a tese de que a ciência se popularize. Contudo, pesquisadores precisam romper com seus preconceitos e se colocarem a disposição para falar com a imprensa em qualquer ocasião. Toda entrevista, cada reportagem, uma pequena nota num jornal ou na rádio é uma chance de publicizar o conhecimento, de promover a reflexão.

About these ads

6 comentários sobre “Para que serve o conhecimento?”

  1. Gostei muito do seu comentario, eu sei que eu não sou o dono da verdade, eu sou um estudande de Filosofia e na minha pesquisa constantei que os mitos é a base de todas as religiões vivo num estado deste pais em que se voçê descutir religião gera contendas, eu sinto uma grande tristeza por que as pessoas preferem acreditar em historias em que elas não sabem nem de onde elas tiraram, vejo muitos individuos sacrificando suas vidas esperando por um auxilio divino homens, ganhado muito bem para manter a esperaça do seu rebanho, já vi casos de pessoas que se foram desta para melhor e nunca vi um resultado. Eu percebo que a grande massa tem um grande desanimo em pesquisar por conta propria ainda mais que a educação do nosso pais que faz muitos não terem interesse pelo o conhecimento, eu até me desanimo por tantas barreiras e a falta de encentivo do nosso governo. Isso favorece que estar no poder não posso dizer se é por isso que as nossas condiçoes neste pais não melhoram.
    Valeu! Muiito bom RONALDO.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s