A bela Manuela…

A deputada gaúcha Manuela D’Ávila caminha para disputar o segundo turno em Porto Alegre.
Ela é candidata do PC do B à prefeitura.
Manuela foi vereadora, é deputada federal e conhecida em todo Brasil por sua inteligência, simpatia e beleza.

Na disputa pela prefeitura, Manuela já conseguiu superar a petista Maria do Rosário.
Com isso, ocupa a segunda posição na mais recente pesquisa eleitoral.
A diferença para o atual prefeito também é pequena.
José Fogaça (PMDB) tem 31,1%; Manuela, 23,9%.
Na simulação de segundo turno, empate técnico.
Será que os gaúchos vão mesmo entregar a prefeitura de Porto Alegre à bela Manuela?

Foto: Arquivo O Globo

Para o mundo ver…

O jornal inglês Los Angeles Times divulgou que o Brasil está forte e preparado para enfrentar qualquer crise.
A reportagem foi publicada nessa segunda-feira.
Além de falar sobre a força da economia nacional e aceleração do crescimento, o jornal relaciona algumas grandes empresas internacionais que anunciaram investimentos no Brasil.

Certamente, pelo prestígio do Los Angeles Times, a reportagem reforça a imagem no exterior de que o Brasil pode se tornar uma potência econômica.

Verbas para o HU…

Por opção, não tenho repercutido aqui as entrevistas que faço com os candidatos a prefeito de Maringá.
Penso que quem quiser ouvir e avaliar as propostas, pode fazê-lo no site da CBN.
Cada um ouve e julga quem é melhor para comandar a cidade.

Entretanto, abro aqui uma exceção por conta de um anúncio de verbas para o Hospital Universitário.
O deputado estadual e candidato do PT à prefeito, Enio Verri, anunciou há pouco a liberação de R$ 3,4 milhões para o HU.
O dinheiro deve servir para a construção da chamada ala industrial.
O repasse desses recursos ainda era desconhecido.
Não estavam previstos no orçamento.
Entretanto, o reitor da UEM e o superintendente do hospital já foram comunicados.

O dinheiro é do governo do Paraná.
A construção deve permitir a ampliação do atendimento do HU.

Hábitos…

A cultura brasileira é da oralidade.
As pessoas preferem falar a escrever.
Quando querem resolver alguma coisa, se não for pessoalmente, ligam.
Talvez por isso o celular faz tanto sucesso.
Tem ainda o fato de todo mundo ter pressa.
Ninguém quer aguardar.

Particularmente, prefiro escrever.
Não gosto de telefone.
Mensagem de voz no celular, nem pensar.
Nunca ouço.

Mas pouca gente escreve.
Uma pena…

A mensagem de texto me dá chance de atender quando estou tranqüilo.
Isto permite a reflexão e uma atenção respeitosa ao interlocutor.
Mas as pessoas têm pressa. Querem falar, falar, falar…
Eu aqui vou tentando resolver do meu jeito. Objetivamente, mas preferencialmente por textos.
Impessoal? Talvez. Mas, para mim, certamente menos superficial.

As manchetes…

Destaques dos jornais de Maringá em circulação nesta terça-feira, 23 de setembro:

– Massacre em Guaíra: 15 mortos
O jornal O Diário de hoje destaca a chacina ocorrida no início da tarde dessa segunda-feira em Guaíra. A Polícia suspeita que executores atravessaram a fronteira pelo lago de Itaipu para praticar o crime. Mas a Polícia não afasta a possibilidade de que sejam brasileiros. A Secretaria de Segurança do Paraná acredita em acerto de contas.

– Classe média recebe mais 10 milhões de pessoas
A manchete do Hoje Notícias trata do levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, o Ipea. O levantamento revela que entre 2001 e 2007, cerca de 13,8 milhões de pessoas subiram de faixa social. Nessa escalada, a maioria se originava da base da pirâmide. Aproximadamente 10,2 milhões saltaram da camada de baixa renda – que tinha renda inferior a R$ 545,00. Essas pessoas hoje ganham entre R$ 545,00 e R$ 1.350,82.

– Produtores rurais debatem nova legislação ambiental
A manchete do Jornal do Povo ressalta a realização de um encontro com produtores rurais nessa quarta-feira, à noite. O encontro vai abordar principalmente o decreto que obriga todos os produtores rurais a averbarem a reserva legal, 20% da propriedade, num prazo máximo de 270 dias. Quem não cumprir o decreto pode sofrer pena de R$ 500,00 a R$ 100 mil.

De segunda a sexta-feira, este blog publica os destaques de alguns dos principais jornais em circulação pelo país. Às segundas, o resumo das quatro principais revistas – Veja, Época, Isto É e Carta Capital.