Ditadura da beleza…

Mais uma mulher é vítima da ditadura da beleza.
A vítima da vez foi a funcionária pública Janaína de Freitas Silva, 34 anos.
Ela morreu numa clínica do Rio após ser internada para fazer lipoaspiração.
Janaína queria tirar gordura do abdôme.
A morte aconteceu nessa quinta-feira.
Hoje, o marido buscava explicações para a morte da esposa.
Questionado pela imprensa, lembrou que pediu que desistisse da cirurgia…
Roberto Neves entendia que ela não precisava de lipo.

Anúncios

Roleta russa do sexo…

Assustador…
Este é o único adjetivo que consigo utilizar neste momento para classificar a nova moda entre os jovens americanos.

Festas têm sido promovidas e nelas se pratica a tal roleta russa.

Como funciona?
Os participantes dessas festas são convidados a praticar sexo sem preservativo.
Acontece que 10% dos convidados são portadores de HIV.
Os demais aceitam o risco, já que conhecem a “brincadeira”.

Durante a festa, sorteia-se o parceiro sexual e a chance de contrair o vírus é de um para dez.

Por que esses jovens aceitam o risco e por que aprovam tal prática?
Sinceramente, não sei responder.
Mas o argumento dos participantes é que o risco de contrair Aids aumenta o prazer sexual.

Só um milagre…

Pouca gente discorda que Enio Verri tem o preparo necessário para ser prefeito de Maringá.
Além disso, pertence ao partido do governo Lula, tem trânsito fácil no Governo Requião.
Por tudo isso, sempre foi apontado como o grande adversário do prefeito Silvio Barros, favorito na corrida eleitoral.
Entretanto, o pessoal que deveria cuidar da estratégia de Verri só fez lambança.
Se ele chegou ao segundo lugar nas pesquisas, não foi por causa do marketing político.
Foi a biografia e o perfil do próprio candidato.

E a última bobagem repercute nesta sexta-feira.
Aquela pesquisa, divulgada no domingo, que fez muitos eleitores pensarem que Silvio Barros já tinha 75% das intenções de votos, agora aparece detalhada na capa dos principais jornais da cidade.
Nela, Silvio aparece com 53,8%; enquanto Enio, com 14,2%.
Ou seja, a pesquisa contratada pela coligação de Enio Verri foi usada pelo adversário para ressaltar que as eleições acabam domingo, no primeiro turno.
Detalhe, por mais que possa parecer sacanagem eleitoral, é só mais um acerto na estratégia do candidato à reeleição.
Os dados de toda pesquisa registrada na Justiça Eleitoral são públicos.
Podem vistos e repercutidos por quem quiser.

Então, só resta agora a Enio Verri e aos outros candidatos que sonham com o segundo turno torcerem para que os indecisos e aqueles que definem o voto no domingo façam a opção por mudar o rumo da disputa. Afinal, já está provado que não puderam – e nem poderão – contar com seus estrategistas. Eles já ensinaram como não fazer campanha.

Atualizado: O candidato Enio Verri divulgou uma carta aberta repudiando a divulgação da pesquisa por parte da coligação encabeçada por Silvio Barros.

As manchetes…

Manchetes dos jornais em circulação nesta sexta-feira, 3 de outubro:

– Maringá tem gasto de água abaixo da média
O jornal O Diário de hoje destaca o consumo de água em Maringá. De acordo com a reportagem, o hábito de varrer calçadas com água tratada ainda persiste, mas consumo do maringaense é menor que a média dos 345 municípios atendidos pela Sanepar no Estado.

– Copel, bombeiros e prefeitura se unem para prevenir temporais
A manchete do Hoje Notícias trata do debate de estratégias a fim de agilizar o atendimento à comunidade em casos de incidentes climáticos. Copel, Corpo de Bombeiros e prefeitura pretendem criar um protocolo comum de ações para agilizar atendimento em situações de tempestade.

– Temporal derruba mais de 100 árvores na cidade
A manchete do Jornal do Povo ressalta o temporal que ocorreu no final da tarde desta quarta-feira, em Maringá. Os estragos foram maiores na regiao norte da cidade. Cerca de 250 homens foram mobilizados pela prefeitura para atender as ocorrências.

Diário do Noroeste de Paranavaí
Polícia vai agir com rigor no dia da eleição

Folha de Londrina
Consumidor vai pechinchar mais neste natal

Gazeta do Povo

Conselhos tutelares viram alvo do tráfico em Curitiba e região

O Globo
Temor de novo veto a pacote nos EUA derruba as bolsas

Valor Econômico
Receita alta explica onda de reeleição nas capitais

O Estado de S.Paulo

Dólar bate R$ 2,00 e bolsa cai com incertezas sobre pacote

Folha de S.Paulo
Bolsa cai 7,3% e dólar passa de R$ 2