Tratamento de esgoto feito pela Sanepar

Ao ler a manchete do jornal O Diário desta quarta-feira lembrei de um texto que havia escrito por aqui. Usei o sistema de buscas do blog e encontrei. Em fevereiro, entrevistei o ambientalista Jorge Villalobos. Na ocasião, falamos sobre diferentes questões ligadas ao tratamento da água e o despejo de dejetos nos rios e córregos.

Recordo que apresentamos ao ouvinte a surpreendente informação que o tratamento do esgoto feito pela Sanepar era insuficiente para garantir a não contaminação da água. E reforçamos: a situação é ainda mais grave, pois a população paga pelo serviço. Ou seja, a companhia recebe pelo tratamento do esgoto, mas este é ineficaz.

Villalobos trouxe documentos e reforçou que tudo estava no Ministério Público.

No Diário, o assunto ocupa a página 3. Faz parte da série de reportagens que questiona os preços dos serviços, a qualidade e o contrato com a companhia de saneamento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s