Notas do esporte: Copa do Brasil e Libertadores

PRIMEIRO DUELO
Começa hoje a decisão da Copa do Brasil. Santos e Vitória duelam pelo título da competição. A conquista do torneio também garante vaga na Libertadores da América.

NA VILA
O jogo de será na Vila Belmiro. Jogando em casa, o Peixe tem sido soberano na Copa do Brasil. Mas, no Barradão, o Vitória também é imbatível. Por isso, o técnico Dorival Júnior quer uma boa vitória santista hoje à noite.

PRESSÃO
Também hoje tem o primeiro confronto entre Internacional e São Paulo, pela semifinal da Libertadores da América. O tricolor do Morumbi já desembarcou na capital gaúcha. E vai entrar em campo com a missão de surpreender o Colorado. Enquanto o Inter ainda não perdeu no retorno do Brasileirão, o São Paulo, não venceu.

A VOLTA
Washington está de volta ao Fluminense. O atacante deixa o São Paulo e volta ao time carioca. Otimista, Washington acredita que, com Muricy Ramalho no comando do tricolor das Laranjeiras, o Fluminense vai conquistar títulos.

As manchetes dos jornais de Maringá

O DIÁRIO: – Maringá é onde mais se abre empresa no interior
Durante o primeiro semestre, foram abertas 10,9 novas empresas por dia na cidade e fechadas quatro. O crescimento foi de 6,8% em relação ao ano passado, mas no Paraná houve uma redução de 3,17%. A taxa de sucesso, segundo o Sebrae, é de 75%.

HOJE NOTÍCIAS: – Sete mil trotes por mês prejudicam trabalho da PM
Todos os dias o 4o Batalhão da Polícia de Maringá recebe cerca de 240 trotes através do número 190. Proporcionalmente essa quantidade de ligações representa 30% do atendimento diário. Em consequência ocorre um congestionamento das linhas e atrasa o atendimento de quem realmente precisa de socorro policial.

JORNAL DO POVO: – Londrinense é assassinada na Itália
Um corpo em estado avançado de decomposição foi encontrado pela polícia italiana em um apartamento luxuoso localizado em Milão, na Itália. Informações oficiais identificaram a vítima como Verônica Crosati, uma brasileira de 45 anos, natural de Londrina, no Paraná. A brasileira vivia na cidade há muitos anos e trabalharia como prostituta. O assassinato ocorreu há cerca de 10 dias.