Está tudo bem?

Faz parte de nossos hábitos. Daqueles que repetimos sem ao menos pensar. Encontramos alguém e logo perguntamos: “está tudo bem?”. Não nos damos conta necessariamente do que representa a frase. Simplesmente verbalizamos. É uma maneira gentil, educada de abordar as pessoas. Escapa quase que de maneira inconsciente.

Dia desses, estava num velório. Observava as pessoas cumprimentando a viúva. De repente, chega um amigo da família. Ao falar com a mulher que tinha perdido o marido, logo tascou: “tudo bem com a senhora?”. Do meu canto, em silêncio, foi impossível não esboçar um sorriso. Aquele homem acabara de cometer uma gafe.

O fato só revela o quanto essa frase é repetida mais por um hábito do que necessariamente por uma preocupação real nossa com o que está sentindo a outra pessoa. Claro, existem exceções. Como também existem pessoas que, ao ouvir um “tudo bem?” já começam a expor toda sua vida. Ali desfilam os problemas no trabalho, no casamento, com vizinhos… enfim. E quem simplesmente quis ser educado, acaba ouvindo o que não esperava – ou não desejava. Afinal, o diálogo obvio é mais ou menos este:

– Tudo bem?
– Sim, tudo bem. E você?
– Está tudo bem, graças a Deus.

Gosto dessa troca de gentilezas. Como tantas outras pessoas, repito com freqüência. Mas confesso que a frase “está tudo bem” me incomoda um pouco. Às vezes, chego a evitar a resposta. Não pelo fato de não estar me sentindo bem, mas porque me pego pensando na profundidade do que representaria essa pergunta.

Sei. É meio filosófico isto, mas pare para pensar um pouco: o que é estar tudo bem? Não vale estar bem só de saúde. Também não pode ser apenas financeiramente. E se a saúde vai bem e a carteira também, ainda assim não dá para dizer: “está tudo bem”. Para essa condição se realizar, é preciso ir além.

Você pode ter dinheiro, mas estar infeliz com o emprego; pode ter uma boa casa, mas ter um péssimo casamento; ou pode ter um bom relacionamento com sua mulher, com seu marido, mas viver em tensão constante com a sogra; quem sabe está irritado porque seu carro vive dando problemas; ou ainda porque tem sonhos que nunca consegue realizar.

Estar tudo bem seria estar pleno. Numa condição de bem estar em todas as áreas da vida.

Não é possível viver sem os problemas cotidianos. Por isso, estar tudo bem é quase uma utopia. Sempre existirão espinhos. Alguns mais dolorosos; outros, menos. Mas estarão lá.

Uma resposta convicta, consciente – “está tudo bem!” – é quase um ato de fé. Também é uma necessidade, um motivo a se buscar, uma expressão, uma crença de que problemas existem, mas que nenhum deles é maior que a razão de nosso existir.

Notas do esporte

FOGÃO
Botafogo vence o Santos e rouba vaga do Peixe no G4. A equipe carioca venceu por 1 a 0. Gol de Loco Abreu. O Botafogo está em terceiro. O Santos caiu para quinto na classificação.

OUTROS RESULTADOS
Ainda ontem, Grêmio Prudente e Avaí empataram em 1 a 1. Este também foi o placar Vasco e Atlético Mineiro.

FLUMINENSE
E o fim de semana chega com uma nova rodada do Brasileirão. Nesse sábado, os líderes entram em campo. O Fluminense pega o Atlético Goianiense no Serra Dourada. Enquanto o time de Muricy Ramalho lidera o campeonato, a equipe goiana está na zona de rebaixamento.

VICE-LÍDER
O Corinthians também joga. O timão recebe o Grêmio, no Pacaembu. A equipe paulista quer a vitória para impedir que o Fluminense dispare na classificação.

RUBRO-NEGRO
Ainda nesse sábado, o Flamengo recebe o Vitória.

VERDÃO
Domingo, o Palmeiras encara o Vasco, que está invicto há 12 jogos. O técnico Felipão quer que seu time mostre personalidade em campo para voltar a vencer. E Marcos pode até retornar ao gol palmeirense já nesse domingo.

TRICOLOR PAULISTA
O São Paulo vai até o Rio enfrentar o Botafogo. O tricolor do Morumbi está empolgado e espera obter um resultado positivo jogando na casa do adversário.

MAIS JOGOS
Ainda no domingo, o Atlético Paranaense pega o Guarani, no Brinco da Vila; o Ceará enfrenta o Santos; Internacional e Goiás jogam no Beira Rio; Atlético Mineiro e Grêmio Prudente, Avaí e Cruzeiro, completam a rodada.

PARANAENSES NA SEGUNDONA
Pela Série B, o Paraná Clube joga nesta sexta-feira contra a Ponte Preta; o Coritiba vai até Minas enfrentar o América.

As manchetes dos jornais de Maringá

O DIÁRIO: – Eletrônicos lideram as apreensões
Os eletrônicos são os produtos mais apreendidos pela Receita Federal de Maringá neste ano – aumento de 51%. Em compensação, cigarros tiveram queda de 56%. O montante apreendido pela Delegacia da Receita Federal em Maringá ultrapassou os R$ 3,8 milhões. No mesmo período, em 2009, foram apreendidos R$ 2,5 milhões em mercadorias.

HOJE NOTÍCIAS: – INSS contrata peritos para atender demanda
Ao todo, a regional irá contratar 22 peritos para atuarem na região; 6 deles trabalharão apenas em Maringá. As contratações são em caráter de urgência, e serão realizadas para atender uma determinação do Supremo Tribunal Federal com o objetivo de diminuir o tempo de espera para as perícias.

JORNAL DO POVO: – Empresários aprovam Bairro Empreendedor
Pesquisa realizada na Vila Operária, em Maringá, para medir o grau de satisfação dos participantes do Programa Bairro Empreendedor mostra alto índice de aceitação. 88% dos entrevistados consideram o programa como ótimo e bom.