Calçadas abandonadas

Não com muita frequência, mas vez ou outra circulo pelas ruas e avenidas de Maringá como pedestre. E, asseguro, não é uma experiência agradável. Apesar da qualidade de vida oferecida pela nossa cidade, apesar do status de cidade-modelo, apesar de ser reconhecida como uma cidade de gente com alto poder econômico, há certo descuido com o passeio público. Veja isto:

E mais esta calçada:

Também esta:

São calçadas localizadas numa das regiões mais nobres de Maringá, a Zona 4. Embora concentre população de renda elevada, o bairro não foge à regra: passeios públicos descuidados. Falta de calçadas, buracos ou entulhos… São imagens comuns.

E sabe o que é curioso? Dizem por aí que Maringá é uma das cidades que têm as melhores calçadas. Então, imagine como deve ser a situação noutros municípios…

Na maioria das vezes, as calçadas são de responsabilidade do cidadão. É o dono do imóvel quem faz o calçamento. Mas a fiscalização é da prefeitura. E, por isso, se os passeios públicos estão abandonados é porque o poder público tem sido omisso. Até por conta do custo, muita gente não se preocupa em fazer reparos, cuidar do piso ou mesmo fazer o calçamento. É também pra isso que serve a prefeitura: exigir a obra, cobrar manutenção.

Fotos: Luciana Peña

Anúncios

Um comentário em “Calçadas abandonadas

  1. durante a administração do falecido José Cláudio, me lembro das calçadas ecológicas. Por um lado eram muito boas, pois criavam áreas para a água da chuva escoar. Por outro lado, eram depósitos de fezes de cachorros, além dos donos de imóveis que nunca cortavam a grama….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s