Não dá pra sofrer pelo que a gente não controla

Problemas todos nós temos. Ninguém está livre deles. Entretanto, entendo que há problemas e problemas. Alguns somos nós que criamos ou superdimensionamos. Poderíamos lidar com eles sem grandes sofrimentos. Mas optamos por nos derramar em lágrimas e gastamos nosso precioso tempo lamentando coisas sobre as quais não temos controle.

Reconheço que há situações que nos consomem. Um coração partido, um amigo que nos decepciona, um colega de trabalho que “puxa nosso tapete”, um filho doente, um marido que perde o emprego, uma injustiça que sofremos… A lista é imensa.

Como disse dias atrás, certas coisas nos machucam e temos o direito de ficar tristes.

No entanto, muitas vezes não temos controle dessas situações e ainda assim nos deixamos abater porque simplesmente não são como gostaríamos que fossem. Tudo bem, nem sempre dá pra relaxar. Mas é preciso pelo menos tentar.

Se não temos como interferir na situação – tomar as rédeas, como dizia meu pai -, focar no problema é se martirizar. Não dá pra se ocupar – ou mesmo se culpar – por daquilo que não cabe a nós. Se você tem um professor que é injusto nas avaliações e ele é protegido da chefia, não adianta ficar reclamando o tempo todo da maneira como ele trata suas provas. O que resta a você é fazer o seu melhor.

Se você tem um colega de trabalho que não suporta, ou você o tolera ou deixa o emprego. Não adianta passar o tempo todo “chorando as mágoas”. É perda de tempo. É desgastar-se à toa.

E, sabe, mesmo num quadro de doença. Resolve ficar chorando, reclamando? Não estou dizendo que você deve ficar feliz. Mas o que é preciso fazer é cuidar, tratar… Se for um familiar doente, deve ajudar, apoiar… Doar-se de maneira otimista.

Tem gente que superdimensiona os problemas. Sofre por aquilo que não controla; sofre por aquilo que ficou no passado; sofre por aquilo que ainda nem aconteceu – e talvez nem aconteça. A gente tem que aprender a relaxar. Viver pela vida e não pelos problemas que a vida traz. Não escolhemos tudo que nos acontece. Entretanto, o universo parece conspirar a favor daqueles que escolhem viver de maneira mais leve, despreocupada… Daqueles que têm esperança e fé.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s