Tenho que aprender a não esperar tanto dos outros

Logo no começo do dia esbarrei nesta frase:

– Tenho que aprender a não esperar tanto dos outros.

Não lembro exatamente quem a escreveu. Apenas anotei. Fiquei pensando nas tantas vezes que criamos expectativas, imaginamos coisas, idealizamos reações.

Ninguém vive sozinho. Não somos ilhas. Por isso, desejamos a companhia de outras pessoas. Precisamos delas. E não apenas para dividir uma cama. Gente necessita de gente. Gente depende de gente. É pra conversar, é pra ouvir conselhos, é pra compartilhar alegrias… Ter um ombro pra chorar, ter um abraço pra confortar.

Na profissão, carecemos dos colegas. Não existe sucesso individual. Ninguém constrói uma carreira bem sucedida sem parceiros, sem pessoas que colaborem.

Na faculdade, é impossível dar conta de todas as atividades, trabalhos, leituras, provas etc sem amigos. São os companheiros de sala que tornam o ambiente mais agradável, dividem tarefas e fazem os anos de estudo, ainda que difíceis, tornarem-se divertidos.

Na vida, temos carência do outro. Mas o outro é isso: o outro. Até existem algumas pessoas que fazem-nos acreditar em alma gêmea. Alguns relacionamentos parecem até feitos sob encomenda divina; não falta sintonia. Entretanto, ainda assim o outro não é a gente. Tem seus próprios desejos, aspirações, desejos… E, por vezes, não responde nossas expectativas.

Quando li a frase “tenho que aprender a não esperar tanto dos outros”, pensei na possível decepção sofrida por essa pessoa. Talvez tenha sido motivada por um namorado… Quem sabe, uma amiga… Não sei. Sei que o tom é triste. Não há alegria. Existe frustração. É provável que essa pessoa não esteja experimentando a primeira decepção de sua vida. Mas sua frase traduz o desejo de não se entregar tanto, não confiar tanto… Proteger-se.

Acho que todos nós sentimos a necessidade de confiar em alguém. Gostaríamos de contar completamente com certas pessoas. E, em alguns momentos da vida, até pensamos ter encontrado esse alguém. Pode ser um amigo, um familiar… um amor. Mas, infelizmente, relações não são perfeitas. Nenhuma delas. Nem de trabalho, nem de escola, nem de família, de amor. Vamos nos magoar muitas vezes. Se formos feridos demais, duas coisas podem acontecer: nos isolarmos ou vivermos eternamente desconfiando das pessoas.

Cá com meus botões, ainda penso que devemos tentar uma terceira opção: simplesmente vivermos as relações sabendo que nenhum de nós é perfeito. Ninguém vai se encaixar nas nossas expectativas. Nem nós nos encaixaremos nas expectativas alheias. Seremos magoados, mas também vamos magoar, pois somos assim: contraditórios, seres errantes.

Anúncios

29 comentários em “Tenho que aprender a não esperar tanto dos outros

  1. Ronaldo, texto maravilhoso! Tenho pensado muito nisso. Muitas vezes criamos expectativas envolvendo outras pessoas e elas nem sabem que estão nos machucando… Parabéns pela sua sensibilidade e esse dom de colocar as coisas de uma forma tão bonita e simples. Abraço

      1. Ronaldo: Tenho lido teus textos (blog) com frequência e penso sempre: Como ele consegue encontrar temas tão sensíveis e real, que nos permite refletir sobre situações vividas e sentidas de forma tão verdadeira? Parabéns……….sou sua fã……

  2. Caro colega: apenas uma observação: No trecho do texto que consta “Mas, infelizmente, relações são perfeitas” vc por acaso, assim, não quis dizer: “Mas, infelizmente, relações não são perfeitas.” e blá, blá, blá. E daí o texto, q diga-se, maravilhoso como todos que vc escreve, continua. Tipo fiquei pensando se era isso msm ou não…

  3. É verdade Ronaldo. Mas uma coisa é certa devemos parar de construir idealizações sobre pessoas, o correto é olhar para a pessoa assim como ela é, imperfeita, imatura, observando todos os defeitos e qualidades. E não exaltando as qualidades e escondendo os defeitos, é nesse momento que nos decepcionamos, por construir uma “imagem” que não é real.
    Abraços,
    Kethlen

  4. Excelente texto Ronaldo, você consegui “dissecar” de forma bastante clara , um dos grandes problemas do ser humano, que é achar que precisa ser completo por alguém, a famosa (metade da laranja, tampa da panela),e por isso muitas vezes ficamos esperando pelo olhar, ação ou atenção do outro, e de fato esperar por isso, é deixar de investir em si mesmo e nas suas potencialidades, sendo que esse caminho pode levar a grandes e maravilhosas descobertas.

    Então, ao invés de procurarmos alguém que nos complete, devemos é ir de encontro com quem nos transborde, afinal a felicidade multiplicada sempre é muito melhor!

    Um ótimo dia a vc!

  5. VOCÊ ESCREVE MUITO BEM, ME FEZ LEMBRAR DE TANTOS MOMENTOS DA MINHA VIDA QUE ME DECEPCIONEI COM MUITAS PESSOAS. COM O TEMPO NÓS EVOLUIMOS E TENTAMOS MESMO A TUA 3ª OPÇÃO, É A MELHOR, POR AFINAL NOS DECEPCIONAMOS, MAS TB JÁ DECEPCIONAMOS PESSOAS, ATÉ MESMO SEM PERCEBER. PARABÉNS!!! GOSTO DE LER TEUS TEXTOS, SIMPLES E PROFUNDO. BEIJOS!! ALEXSANDRA.

  6. Como já disse em outros textos,adoro todos eles.
    Você escreve de forma clara,simples e direta.E realmente em muitos relacionamentos existe o sentimento de posse,do tipo gênio da lâmpada “terás que atender todos os meus desejos”, e ninguém é dono de ninguém.

  7. Excelente Ronaldo, através da publicação de uma amiga no face, tive curiosidade e dei uma olhada…
    Muito bom mesmo!
    Um abraço e ótimo dia!

  8. Puxa! Você acertou novamente, hoje mesmo tive uma conversa com a minha mãe sobre isso, esperar demais das outras pessoas e acabar se decepcionando, não deixar as nossa vidas em função da vida dos outros, igual você disse, em todos os aspectos no trabalho, nos estudos e na vida pessoal. Para não me decepcionar, tenho tentado me lembrar da 3ª opção. Parabéns pelo texto. Um forte abraço.
    Josiane

  9. O que é pior qd a gente se decepciona com alguem ou qd alguen diz ,ter se decepcionado com a gente , e diz vc não é o k eu esperava ,e cobra de vc ,o que vc não é ?ou melhor não te aceita como vc é .

  10. Olá Ronaldo!
    Sempre esperei muito das pessoas e ate hj me sinto frustrado…quando estava atuando em minha igreja, meus amigos sempre estavam presentes em minha vida, agora não posso mais estar tão atuante e todos sumiram, minha filha nasceu faz tres meses e ate agora ninguem apareceu para me visistar e compartilhar comigo esta alegria…talvez eles não tenham feito por mal, mas enfim me sinto mal…

    Obrigado pelo que escreveu, apartir disto quero olhar as pessoas com outros olhos….apenas como seres humanos como eu sou. Perfeição só exsite em Deus…

    Abraço

  11. O que tenho a dizer é que amei o texto! Me fez ver as coisas sob um novo ângulo, sob um ângulo que eu nunca tinha visto antes, um ângulo bem consolador e coerente! Parabéns e obrigada por dividir!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s