Sem motivo para comemorar

Tenho uma amiga que completou 37 anos esta semana. Ela mora em São Paulo. Como péssimo amigo que sou, esqueci de felicitá-la. Só fiz isso no dia seguinte e ainda porque, de alguma forma, ela me lembrou. Acabamos trocando algumas palavras e soube que preferiu não comemorar a data. Está, como ela disse, numa fase negra. Então, optou por recolher-se.

Brinquei que deveria comemorar sim, ainda que sozinha.

– Bom, se vale sozinha, fiquei duas horas na academia; respondeu.

A gente não conversou depois disso. Porém, fiquei pensando nas tentas vezes que preferimos não fazer nada. Ou, pelo menos, não desejamos viver coisas que parecem prazerosas. Comemorar o aniversário, por exemplo. Ou, quem sabe, sair com amigos. Talvez, um almoço com a família, um churrasco em casa. Tudo que queremos é simplesmente permanecer sozinhos.

Acho que todo mundo já se sentiu assim. Por fatores que nem sempre temos controle, ficamos sem graça, chateados… Um tanto com raiva da vida. Ou decepcionados com os caminhos que a vida nos oferece.

É difícil romper com esse desânimo. Às vezes, tem alguma coisa incomodando, impedindo nosso sorriso. Queremos que essa “coisa” deixe de machucar, seja resolvida. Porém ela insiste em ficar ali, como um espinho que fere e não conseguimos remover.

Tenho dito por aqui que, quando isso acontece, não tem muito o que fazer. Resta-nos mergulhar em nós mesmos e tentarmos entender que nos retrair não vai colocar a vida no lugar. Infelizmente, só nós podemos nos socorrer. As outras pessoas são úteis para dividirmos, mas nunca são (ou têm) as respostas que queremos.

Anúncios

2 comentários em “Sem motivo para comemorar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s