Na segunda, uma música

A essência do cristianismo é o amor. Entretanto, viver o amor é uma das coisas mais difíceis. Quase todos nós somos egoístas, mesquinhos, maldosos, maledicentes. A gente ama, mas só da boca pra fora.

Dias atrás, enquanto conversava com um amigo, ele dizia ter muita resistência às religiões. E isso por que a maioria dos praticantes está longe de viver o que prega. Eu concordo com ele, pois também repito muitas vezes um discurso que não pratico. Talvez por isso, a música desta segunda-feira me tocou tanto quando a ouvi pela primeira vez. Ela mostra que não adianta querer chegar até Deus sem começar a viver uma vida de amor. 

Eu ei de ver, Senhor, a tua glória
E viverei o verdadeiro amor
Quando eu estender a mão
Quando eu tiver compaixão
E me importar um pouco mais com meu irmão

Nada do que a gente faça tem valor enquanto não houver amor de verdade. Amor que se importa, amor que reparte, amor que é capaz de ver se ocupar primeiro da dor do outro.

Só é adoração quando eu estendo a mão
Quando eu reparto o que é meu
Quando eu enxergo além dos meus desejos
Além do meu próprio eu
Só é adoração se move o coração de Deus
Se eu vejo além da minha dor

Tomando como referência o belíssimo texto bíblico de São Paulo, quando fala de amor, Eyshila reforça a essência do cristianismo – e de quase todas as religiões.

Ainda que eu tenha uma fé que remove montanhas
E dê o que eu tenho aos pobres
Ainda que eu dê o meu corpo pra ser queimado pelo fogo
Será em vão; de nada valerá…
[Se não tiver amor]

A canção de hoje é do gênero gospel. Não sei quantos gostam. Mas vale ouvi-la… até pra entender que muitas vezes o problema das religiões não está em suas filosofias, mas na maneira como nós as praticamos.

Vale ouvir. Eyshila, Adoração.

Anúncios

Um comentário em “Na segunda, uma música

  1. Linda canção! Só o Amor é capaz de dar sabor a nossa vida e a do outro, de levar a luz onde há trevas. Ser cristão é ir além das palavras, é testemunhar com a vida, aquilo que o Amor pode fazer em nós. Esta é a verdadeira religião.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s