Na segunda, uma música

Não sei se o amor tem cor. Mas sei que, quando a gente ama, parece que a vida fica mais colorida. Há um intenso pulsar… Uma energia, uma alegria que palavras não explicam. E, talvez por isso,

Se eu tivesse que pintar um quadro
Para mostrar ao mundo como o amor verdadeiro pode ser
Eu usaria as cores mais brilhantes

Em “The colour of love“, Billy Ocean canta o amor. Ou… as cores do amor. O cantor – que nasceu em Trinidad e Tobago, mas teve que ir para a Inglaterra em busca do sonho de se dedicar à música – fala desse sentimento por alguém especial. Fala de um amor que considera eterno.

Eu vejo a cor do amor quando estou pensando em você
Como uma perfeita pintura de amor
Para sempre verdadeira

Mas, como nem tudo é perfeito e nem todos os sonhos são possíveis de realizar, “The colour of love” também mostra que um amor pode enfrentar dificuldades para se concretizar. Ainda assim, ele estará sempre no coração.

Embora muitos possam tentar nos manter separados
As cores que eu vejo em você brilharão como uma luz
Para nos guiar
Não importa o que o mundo faça
Eu sempre te amarei

E então… vamos ouvir?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s