Na segunda, uma música

A canção que hoje destaco por aqui é uma das mais tradicionais, mais conhecidas de todos os tempos. Gravada e regravada por diferentes intérpretes, Hallelujah é arrebatadora, majestosa. Ao ouvi-la, é impossível ignorá-la.

Composta pelo mestre Leonard Cohen, a canção fala de fé, mas principalmente do efeito da música no coração das pessoas. Mais que isso, um meio do homem dialogar com o divino.

Eu soube que havia um acorde secreto
Que Davi tocava, e que agradava o Senhor

A música mostra certo conflito interior. Esse homem que trilha por caminhos incertos, que por vezes duvida do próprio Deus, mas ainda assim se coloca diante dEle e diz:

Eu fiz o meu melhor, não foi muito
Não podia sentir, então eu tentei tocar
Eu disse a verdade, eu não vim para te enganar
E mesmo que
Tudo deu errado
Eu estarei diante do Senhor da Canção
Com nada mais em minha língua além de Aleluia

Para interpretar a belíssima Hallelujah, o grupo que transita entre o clássico e o popular, II Divo. Vamos ouvir?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s