Quando o relacionamento vai terminar mal

fimdarelacao

Acho que todo mundo quer viver uma grande paixão. Acredita-se, inclusive, que seja um dos sentimentos mais lindos do mundo. Apaixonar-se é deixar-se arrebatar… Viver nas nuvens. Entretanto, o que nem sempre é levado em conta é que algumas paixões podem provocar muitas dores, lágrimas, sofrimento.

Há situações que indicam, desde o início da relação, que pode dar tudo errado. A pessoa se envolve porque parece não aceitar que “está escrito” que vai terminar tudo em muito choro.

Vou listar alguns casos que geralmente terminam mal.

Envolver-se com alguém com quem viveu uma noite de paixão. Esse tipo de “amor” tem sido protagonizado em muitos filmes. E parece incrível. Você conhece alguém num bar, na casa de alguém e, naquela mesma noite, entrega-se completamente. Na tela, tudo parece arrebatador. Porém, é bem diferente no mundo real. Você pode achar que encontrou a sua metade, mas não significa que o outro está pensando a mesma coisa. Existe uma diferença enorme entre uma conexão física e uma conexão emocional. Raras vezes um caso de uma noite se transforma num relacionamento de verdade. E, por isso, quem aposta nesse tipo de experiência, pode acabar bastante infeliz.

Envolver-se com alguém que tem data para ir embora. Hoje, é cada vez mais frequente que jovens universitários (e não apenas jovens, né?) queiram passar algum tempo fora do país ou mudar de estado. Às vezes, são apenas seis meses. Mas, em alguns casos, a ideia é passar mais de ano vivendo no exterior. Quando você se apaixona por uma pessoa que vai embora, ou é você que vai ficar fora, há chance de sofrer um bocado. O coração dificilmente entende que a separação é só por um tempo… Sem contar que, assumir um relacionamento nessas condições, é aceitar o risco de que o parceiro pode conhecer outra pessoa, ou você fazer isso… É aceitar o risco de ter que escolher entre continuar com o relacionamento ou ter que abrir mão de uma oportunidade de continuar no lugar para o qual foi… Quer dizer, dificilmente não existirão lágrimas.

Envolver-se com alguém que a família e os amigos desaprovam. É fato que a família pode estar errada. E os amigos também. Mas ignorar completamente o que os outros dizem a respeito da pessoa com quem você está se envolvendo, é um grave erro. Não dá pra fechar os ouvidos para o que os outros dizem. Eu sempre repito que não podemos viver reféns do mundo. Porém, quando toda a família e amigos rejeitam o romance, isso indica que alguma coisa não está funcionando bem. Não dá para virar as costas para quem sempre esteve ao nosso lado, para quem sempre nos apoiou, ajudou… nos amou. Se cada pessoa que te conhece demonstra de alguma forma que o relacionamento vai acabar mal, vale reavaliar o romance, antes que perca os amigos, rompa com sua família ou se decepcione com a pessoa por quem está se apaixonando.

Bem, existem outras tantas situações que sugerem que a paixão vai terminar muito mal. Essas são apenas algumas delas. Poderia falar dos casos em que a pessoa se envolve sem estar totalmente resolvido com o ex… Poderia dizer das situações em que moram muito distantes… Daqueles casos em que há diferenças culturais significativas… Porém, o que sempre acho fundamental é bem simples: não precipitar-se. Pode parecer bobagem, mas com o coração não se brinca. A gente não consegue dizer “esquece”… E aí fica tudo bem. Com as emoções, as coisas não funcionam assim. Por isso, preservar-se é também uma maneira de cuidar de si.

Anúncios

4 comentários em “Quando o relacionamento vai terminar mal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s