Os desafios nossos de cada dia

desafios

A vida traz bons e maus desafios. Os bons são aqueles que, mesmo sabendo que você vai encarar uma tremenda dificuldade pela frente, vai perder noites de sono, os resultados poderão ser satisfatórios. Os maus são conhecidos e não trazem nenhuma alegria. Mas não dá para fugir deles.

Os “maus desafios” são as grandes perdas da vida. Perder uma mãe, por exemplo, é dolorido demais e impõe desafios pela frente: entre eles o de se organizar para viver sem a pessoa que provavelmente mais te amou. Você sabe que vai ter que encarar a vida com esse enorme vazio. Ainda assim terá que lidar com isso.

Os “bons desafios” são aqueles que, embora não mostrem de imediato quais podem ser as recompensas, sinalizam que podem mudar sua vida.

Esta é uma das situações que estou vivendo. Meses atrás surgiu um convite inesperado para comandar um telejornal regional, na Band de Maringá. Embora me considere um jornalista razoavelmente experiente, nunca havia trabalhado efetivamente em televisão. Para ficar um pouco mais complicado, tratava-se de um projeto completamente novo e que eu deveria formatar do zero. Não vou negar: não foi fácil e ainda não está sendo fácil. Porém, depois de duas semanas no ar, sempre às 7h da manhã, os primeiros resultados começam a aparecer. Impossível não se sentir recompensado.

Nos meus pouco mais de 40 anos, aprendi a gostar dos desafios. Sejam eles quais forem. Quando algo se coloca diante de você, parecendo ser uma grande obstáculo, é necessário se mexer, aprender coisas novas… É simples? Nenhum pouco. É preciso assumir riscos, dedicar tempo, concentrar forças, energias. E, principalmente, se expor. Isso dá medo, é claro. E, não vou negar, muitas vezes, parece mais simples continuar fazendo o que se conhece melhor, principalmente se a novidade impõe riscos – inclusive de perder tudo que já foi construído.

Sabe, situações como essa mostram que a vida é feita de desafios diários. Ninguém tem controle de tudo. Não dá para planejar uma vida inteira. Justamente por isso precisamos lidar com os desafios – bons e ruins – com maturidade e não abrindo mão das oportunidades. O que é novo pra gente pode ensinar muita coisa e até nos proporcionar crescimento.

É claro que diante de algo novo, é preciso agir com sabedoria. É necessário controlar a ansiedade, não ter vergonha de pedir ajuda, de perguntar… Tropeços vão acontecer, haverá momentos em que o desânimo vai tomar conta e a mente será tomada pela vontade de desistir. Ao lado da gente, sempre vão existir pessoas desestimulando, criticando… Porém, nessas horas é fundamental lembrar que os vencedores são aqueles que ousam superar seus próprios limites e não desistem diante das primeiras dificuldades.

Anúncios

Um comentário em “Os desafios nossos de cada dia

  1. Parabéns Ronaldo! Desejo-lhe muito sucesso e sabedoria para enfrentar os novos desafios.
    Obs: Pena que não sou de Maringá , senão seria sua telespectadora assídua!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s