É preciso assumir a responsabilidade pelos próprios problemas

Tem gente que tem o hábito de transferir para o outro responsabilidades que são suas. E essa situação é tão curiosa que, com frequência, quando as coisas não vão bem, essas pessoas parecem esperar que o outro possa fazer algo para salvá-las.

De fato, solidariedade é algo que carecemos. Que devemos desenvolver. Porém, não dá para ficar de mal com o mundo porque, muitas vezes, estamos com dificuldades para dar conta de nossas tarefas ou da nossa própria vida. Gostemos ou não, a gestão da existência cabe a cada pessoa, individualmente. 

É verdade que durante parte da vida podemos contar com nossos pais e outras pessoas próximas para nos ajudar, para resolver nossos problemas. Porém, há um momento em que necessitamos assumir as rédeas e nos tornarmos responsáveis pelo que fazemos ou deixamos de fazer – e, claro, pelas consequências.

O ato de estender a mão, de ajudar, de apoiar… é um ato de generosidade. Por isso, não se deve alimentar expectativas e muito menos cobranças em relação às pessoas próximas. Até porque tem coisas que só cabem a nós mesmos.

Conheço gente que tem problemas no emprego e fica irritada com o parceiro porque parece esperar que ele (ou ela) fale ou faça alguma coisa para resolver a situação. E quando ele diz: “acalme-se, vamos tentar achar uma solução”, a pessoa ainda se magoa. Quer dizer, nada que o outro diga ou faça, ajuda.

E, sabe, não vai ajudar mesmo, porque o problema é da pessoa, cabe a ela resolver. E esse resolver, às vezes, é resolver internamente, dentro do coração… É lidar com as próprias emoções.

Gente que age assim é gente imatura. Parece que sempre tiveram alguém para protegê-las, para cuidar delas, para evitar que sofressem. E isso faz mal. Na verdade, quando isso acontece, criam-se pessoas frágeis, incapazes de lidar com conflitos, pressões. Não são resilientes. Só estarão prontas para viver quando, de fato, descobrirem o próprio potencial e assumirem suas responsabilidades na condução da própria existência.

Anúncios

Um comentário em “É preciso assumir a responsabilidade pelos próprios problemas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s