Produto brasileiro é mais caro que o americano

Além de ganhar pouco, o brasileiro sofre com um problema adicional: o produto feito por aqui, por vezes, é mais caro – o que torna nosso produto pouco competitivo nos mercados interno e externo.

Uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos, a Abimaq, concluiu que o produto brasileiro chega a ser 30% mais caro do que o americano.

Há vários motivos pra isso. Entre eles, as variáveis de juros sobre o capital de giro, insumos básicos, impostos, logística, encargos sociais e trabalhistas… Também a burocracia, os custos de investimentos, custos de energia e de regulamentação.

Em pesquisas anteriores, em 2010 e 2013, a diferença entre o produto brasileiro e o produto americano era ainda maior: 37%.

Mas a queda do chamado “Custo Brasil” nada tem a ver com esforços do governo; está relacionada à profunda crise econômica que o país atravessa há quatro anos. A moeda brasileira depreciou nos últimos anos e houve redução da taxa básica de juros.

Enfim, este é mais um assunto que eu gostaria de ver na pauta do debate eleitoral deste ano. São questões como essa que, de fato, afetam a vida da população e o desenvolvimento do Brasil.

Essa pauta vai aparecer entre os candidatos? Tenho dúvidas. Tenho apenas uma suposição, o candidato que lidera as pesquisas eleitorais para presidência provavelmente nunca discutiu este tema, muito menos tem um projeto para lidar com essa realidade.

Anúncios

2 comentários em “Produto brasileiro é mais caro que o americano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s