Ser honesto consigo mesmo

A honestidade é uma das qualidades mais apreciáveis numa pessoa. E não é fácil encontrar gente honesta – principalmente na política.

O Brasil vive uma séria crise de honestidade. Os homens públicos não são confiáveis.

É fato que a escassez de gente honesta não é um problema apenas da vida pública. Faltam homens e mulheres honestos em todos os ambientes. Às vezes, até na casa da gente.

Mas sabe de uma coisa? Às vezes, a honestidade é algo que falta em nós na relação que temos com nós mesmos.

Não são raras as ocasiões em que mentimos pra nós mesmos. Vivemos uma vida fingida sem encarar nossas fraquezas ou preferimos não olhar para as nossas imperfeições de caráter.

O relacionamento fracassa? A culpa é do outro. Perdemos o emprego? O problema foi o chefe que não conseguia ver nosso valor. Tiramos uma nota ruim? É o professor que nos persegue.

Ser honesto consigo mesmo é olhar pra si e ser capaz de avaliar qual foi a sua responsabilidade no fracasso, na perda, no desempenho ruim.

Parece que gostamos dos espelhos para nos embelezar, maquiar nossa aparência, construirmos uma versão melhor de nós mesmos. Não queremos espelhos para olharmos quem somos de fato.

Entretanto, a honestidade consigo mesmo é talvez o primeiro grande passo para nos tornarmos pessoas melhores, profissionais melhores, cônjuges melhores, pais e filhos melhores.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s