A cultura da reclamação…

A cultura da reclamação é parte do nosso cotidiano. A gente reclama da comida, da limpeza, das aulas, do colega de trabalho, do chefe… Reclama do calor, do frio… Da festa para a qual fomos convidados… É impressionante! Sempre achamos motivos para reclamar.

Identificar possíveis imperfeições tem um lado positivo. Mostra que somos atentos, observadores. Porém, encontrar os defeitos, apontá-los e não fazer nada só torna as pessoas desagradáveis. Ou revela problemas de caráter.

Gente que reclama o tempo todo é rabugenta, chata.

Ás vezes, a pessoa até tem motivo para reclamar. Mas se reclamar e não propuser nada para substituir a realidade existente, que valor tem a reclamação?

Quando algo incomoda, está fora do lugar, precisa ser revisto, cabe-nos construir um novo modelo, apontar soluções. É isso que gente proativa faz.

É fato que há ocasiões em que ninguém nos ouve. Não aceitam nossas ideias. Mas isso também não é motivo para desistirmos de oferecer alternativas. Talvez a proposta que fizemos não tenha sido bem compreendida, não tenha sido bem elaborada ou até já foi testada. Por isso, vale ter sensibilidade e insistir um pouco mais.

A realidade não muda se não formos ousados e desistirmos diante das primeiras dificuldades!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s