O pessimismo, o derrotismo e a falta de esperança nunca foram boas companhias

Ouça a versão em podcast!

Faltam boas notícias nesses dias de quarentena. O cenário é desconfortável. As incertezas são muitas. Não sabemos quantas pessoas serão contaminadas pelo coronavírus, não sabemos se esta doença vai nos atingir, não sabemos se perderemos pessoas que amamos.

Mas também há outras preocupações. O cenário econômico está confuso. Desconhecemos o tamanho do problema. Projeções são feitas o tempo todo, mas o que fato irá acontecer, ninguém sabe. Isso nos faz pensar em nosso trabalho, a manutenção da renda ou pelo preservação de renda suficiente.

Quem está estudando tem dúvidas sobre a qualidade do curso que está recebendo nas conscrições atuais. Tem ainda mais dúvidas se vale a pena estudar nessas condições e, inclusive, se não está perdendo tempo ou jogando dinheiro fora.

Sim, esse cenário tão incerto causa desconfortos e mexe com nossas emoções. Ansiedade, medo, tristeza e quadros ainda mais graves como pânico e depressão são relatos cada vez mais comuns.

Entretanto, quero dizer uma coisa, o pessimismo, o derrotismo e a falta de esperança nunca foram boas companhias. Vou repetir…

Portanto, ainda que existam inúmeros motivos para nos sentirmos desconfortáveis, é preciso manter a fé.

Uma das coisas mais belas do ser humano é sua capacidade de criar, de se reinventar… Então nada de desistir, de ficar apenas se lamentando… O momento é de procurar soluções, de vislumbrar oportunidades e de se lembrar que essa crise também vai passar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s