As manchetes…

– Presidência da Câmara tem quatro pretendentes
O jornal O Diário de hoje destaca a disputa pela presidência da Câmara de Maringá. Segundo a reportagem, Mário Hossokawa (PMDB) tem mais chances, mas Marly Martin (DEM), Humberto Henrique (PT) e Flávio Vicente (PSDB) também estão no páreo. A escolha acontece amanhã depois da posse dos parlamentares.

Hoje Notícias: não recebemos a edição desta quarta-feira

– Prefeitura mantém serviços essenciais
A manchete do Jornal do Povo ressalta os serviços públicos que serão mantidos durante esses dias de festas. O prefeito Silvio Barros decretou ponto facultativo nos dias 31 de dezembro e 2 de janeiro nas repartições públicas, exceto nos departamentos de serviços de natureza especial, que não podem ser interrompidos.

Folha de Londrina
Crise forte apenas no primeiro trimestre

Gazeta do Povo
Israel cogita trégua mas mantém ataques

O Estado do Paraná
Justiça descarta posse do vice de Belinati

Jornal do Brasil
Dono da Gol é indiciado por dois crimes

O Globo
Israel ignora pressões do mundo e descarta trégua

Estado de São Paulo
Cháves ataca e dá ultimato ao Mercosul

Folha de S.Paulo

Cresce pressão mundial por trégua

Londrina pede agilidade ao TSE e Supremo

Representantes de dezesseis partidos aprovaram nessa segunda-feira um documento que será enviado ao Tribunal Superior Eleitoral e ao Supremo Tribunal Federal. Eles pedem agilidade na análise e julgamento do recurso de Antonio Belinati, que teve a candidatura cassada pelo TSE dois dias depois de ser eleito prefeito de Londrina.

Hoje, o deputado Alex Canziani estará com o presidente do TSE, ministro Ayres Brito. O encontro está previsto para as 18h45. Em pauta, a necessidade de agilizar o processo.

Preocupa a hipótese de a decisão demorar no TSE. Também há o risco de o recurso chegar ao Supremo e, como o STF entra em recesso dia 15 de dezembro, ser analisado só depois de fevereiro de 2009.

Outra medida estudada em Londrina é a antecipação da escolha do próximo presidente da Câmara de Vereadores. Caso a cidade não tenha um prefeito no dia primeiro de janeiro, o presidente do Legislativo precisa assumir. A idéia é que haja tempo para providenciar uma equipe administrativa provisória para manter a cidade funcionando.

Belinati deve voltar…

Esta é uma possibilidade… O advogado londrinense Paulo César Gonçalves Vale fez hoje à CBN Maringá uma avaliação sobre o caso. Ele entende que o Poder Judiciário é o único responsável pelo caos que se instalou em Londrina. Não é só o clima de incertezas. Os cerca de 138 mil eleitores que votaram em Antonio Belinati estão revoltados. Para o advogado, a Justiça podia ter evitado esse quadro político. Bastaria ter analisado o pedido de cassação antes do segundo turno.

Por conta disso, Paulo César acredita que, em última instância, Belinati deve reverter a decisão do TSE. Não por sua ficha ou argumentos da defesa do prefeito eleito. Mas pela preservação do poder soberano, a vontade popular. Como o povo quis Belinati na prefeitura e a Justiça tardou em julgá-lo, existe uma grande chance do Supremo garantir o mandato do progressista.

Mas, caso a cassação da candidatura de Belinati seja mantida, o advogado acredita que, juridicamente, o mais correto é declarar prefeito Luiz Carlos Hauly, derrotado nas urnas no segundo turno. Entretanto, ele entende que essa decisão deve provocar o caos social naquele município. Por isso, a análise já não deve apenas levar em consideração os fatos jurídicos.

As manchetes…

– Os filhos do crime
O jornal O Diário de hoje destaca uma reportagem especial sobre as crianças que crescem sob a influência de pais envolvidos com o crime. A reportagem aponta que o abandono e o sofrimento roubam delas a infância.

– Crise chega às revendas de carros usados e vendas caem em até 70%
A manchete do Hoje Notícias trata da retração nas vendas de veículos provocada pela crise econômica. Segundo a reportagem, a retração deixa empresários apreensivos. Eles dizem que há menos dinheiro à disposição nos bancos, por isso, além da elevação dos juros, as financeiras estão mais rigorosas na aprovação da ficha cadastral.

– Paraná está fora da área de risco de epidemia
A manchete do Jornal do Povo ressalta o risco de dengue no Paraná. Um relatório do Ministério da Saúde apontou que 20 estados do país têm risco de epidemia de dengue em 2009, mas o Paraná não está na lista.

Umuarama Ilustrado
Vendaval derruba árvores e destelha casas

Folha de Londrina
‘Londrina terá prefeito em 1º de janeiro’

Gazeta do Povo
BC breca a alta dos juros e mantém Selic em 13,75%

Jornal do Brasil
Mais recursos para o Rio

O Globo
Ação inédita com os EUA libera US$ 30 bi ao Brasil

Valor Econômico
US$ 30 bilhões do Fed vão reforçar política cambial

O Estado de S.Paulo
EUA ajudam Brasil a reforçar caixa

Folha de S.Paulo
Brasil mantém juros; EUA cortam

As manchetes…

– Ex-morador apontou infiltrações em 2003
O jornal O Diário de hoje destaca a informação dada por um ex-morador do Edifício Dom Gerônimo. Alex Benali morava no apartamento de onde caiu a marquise que arrastou as sacadas do edifício na noite de domingo. Na época ele reclamou das infiltrações ao locador por escrito. A prefeitura vai analisar se materiais são os mesmos que constam do projeto.

– Paraná mantêm em arquivo mais de 90 mil ações trabalhistas
A manchete do Hoje Notícias trata dos processos que estão na Justiça do Trabalho do Paraná. Segundo a reportagem, os processos não foram concluídos porque as empresas não dispõem de bens ou fecharam.

– Calor pode favorecer doenças, alerta Saúde
A manchete do Jornal do Povo ressalta o alerta da Secretaria de Saúde de Maringá. Segundo o secretário Antonio Carlos Nardi, as doenças que mais aparecem devido às elevadas temperaturas são problemas respiratórios, desidratação e dengue. Crianças e idosos são as maiores vítimas das altas temperaturas e da baixa umidade do ar.

Umuarama Ilustrado
Prefeito eleito de Umuarama confirma nomes dos primeiros secretários

Folha de Londrina
TSE cassa candidatura de Belinati

Gazeta do Povo
Justiça eleitoral cassa registro da candidatura de Belinati

O Estado do Paraná
Antonio Belinati é cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral

Valor Econômico
Bovespa surpreende e sobe 13,42% com ajuda de Nova York

O Globo
Pacto entre César e Paes inicia transição pacifica

Jornal do Brasil
Combate à dengue começa em 15 dias

Estado de São Paulo
Câmara aprova MP do socorro a bancos

Folha de S.Paulo
Governo pode adiar tributo para empresa

Belinati cassado…

O prefeito eleito de Londrina teve a candidatura cassada pelo TSE.
Fez justiça? Sim. Mas a decisão veio tarde.

A cassação da candidatura de Antonio Belinati cria um novo impasse.
Afinal, Belinati vai ou não assumir a prefeitura?
Como fica o povo, os eleitores que optaram pelo progressista?
O adversário de Belinati, Luiz Carlos Hauly, disse: a vontade popular deveria ter sido respeitada.

Não concordo totalmente com o tucano…
Mas entendo que a lentidão da Justiça instalou de vez a incerteza naquela cidade.
Se o futuro já era incerto pelo retorno de um político malandro, agora a coisa complicou de vez.

Apoio a Belinati…

Já desconfiava do caráter do deputado Barbosa Neto.
Qualificava-o como alguém muito semelhante a Antonio Belinati.
Neste segundo turno, tive a confirmação de minhas impressões.
Belinati recebeu a declaração de apoio de Barbosa Neto.

O terceiro colocado na disputa pela prefeitura de Londrina optou por ficar ao lado do ex-prefeito cassado por corrupção. Estariam explicadas as suspeitas e denúncias levantadas contra Barbosa durante a corrida eleitoral?