Um fracasso não define quem somos

Tiago Volpi falhou. Uma falha horrorosa. O goleiro foi o responsável pelo gol sofrido pelo São Paulo diante do Ceará, em partida do Campeonato Brasileiro. As imagens da falha de Volpi foram reprisadas inúmeras vezes nos programas esportivos da TV. Ao longo de vários minutos, comentaristas falavam do erro do goleiro. Vídeos também circularam na internet e foram parar até no whatsapp.

Fiquei pensando: uma defesa espetacular do goleiro teria ganhado a mesma visibilidade? Provavelmente não – talvez se fosse no último minuto dos acréscimos da partida numa final de campeonato. Ainda assim, não impactaria tanto a vida do jogador.

Outro pensamento me ocorreu: por que dedicamos mais atenção aos erros do que aos acertos?

Parece-nos natural enxergar mais os defeitos do que observar as virtudes. Uma pessoa pode ser marcada por toda a vida por um pecado da juventude. Em nossa hipocrisia cotidiana, pessoas são avaliadas pelo que aparentam e usamos uma lupa para dar visibilidade às falhas. Um fracasso pode se tornar alvo eterno de nossos julgamentos.

Um erro grave tem tanto efeito que pode nos perseguir por toda uma vida. Norteia o olhar do outro sobre nós e, curiosamente, o nosso próprio olhar. Por vezes, não conseguimos nos livrar da culpa. Na tentativa de prosseguir, o fracasso está lá impedindo-nos de experimentar, de arriscar, de ousar, de surpreender, de viver. Uma lista de acertos, de coisas boas que já foram feitas parece insuficiente para apagar um episódio negro.

Entretanto, é preciso ressignificar essas quedas. Um erro não representa o que somos. Um fracasso ou outro não define qual é o nosso caráter, nossa competência, não pode definir nossa identidade.

Imagem: Marcello Zambrana/AGIF (UOL)

Brasileirão 2012: os cinco últimos jogos

Reta final do Campeonato Brasileiro. Embora não seja de assistir jogos, tenho meus favoritos na disputa. O título, porém, está nas mãos do Fluminense. Mas e a Libertadores? E o rebaixamento? O Palmeiras cai?

Penso que, para a Libertadores, resta saber, dos cinco primeiros colocados no Brasileirão, quem fica de fora: Grêmio, São Paulo ou Internacional? O Galo ainda pode sair do G4? Será que os mineiros tiram o título dos cariocas? O Vasco, pra mim, já está fora da briga por vaga na competição continental.

Quando a gente olha os próximos jogos, é impossível não fazer projeções. Veja os confrontos e faça suas apostas. Faltam só cinco rodadas.

(4/11) São Paulo X Fluminense
(11/11) Palmeiras X Fluminense
(18/11) Fluminense X Cruzeiro
(25/11) Sport X Fluminense
(02/12) Fluminense X Vasco

(4/11) Coritiba X Atlético Mineiro
(11/11) Vasco X Atlético Mineiro
(18/11) Atlético Goianiense X Atlético Mineiro
(25/11) Botafogo X Atlético Mineiro
(02/12) Atlético Mineiro X Cruzeiro

(3/11) Grêmio X Ponte Preta
(11/11) Grêmio X São Paulo
(18/11) Portuguesa X Grêmio
(25/11) Figueirense e Grêmio
(02/12) Grêmio X Internacional

(4/11) São Paulo X Fluminense
(11/11) Grêmio X São Paulo
(18/11) São Paulo X Náutico
(25/11) Ponte Preta X São Paulo
(02/12) São Paulo X Corinthians

(4/11) Náutico X Internacional
(11/11) Ponte Preta X Internacional
(18/11) Internacional X Corinthians
(25/11) Internacional X Portuguesa
(02/12) Grêmio X Internacional

(4/11) Palmeiras X Botafogo
(11/11) Palmeiras X Fluminense
(18/11) Flamengo X Palmeiras
(25/11) Palmeiras X Atlético Goianiense
(02/12) Santos X Palmeiras

PS – O Atlético Mineiro ainda tem um jogo em atraso. Nessa próxima quarta-feira, 31/10, contra o Flamengo.

Corinthians, quase lá…

Eu prefiro o Vasco, mas parece que vai dar Corinthians. Tudo conspira para que o time do Parque São Jorge seja o campeão de 2011. Porém, restou uma pontinha de esperança. Está mais fácil para os paulistas, mas a equipe de São Januário é guerreira. Marcar um gol aos 45 minutos do segundo tempo, o gol da vitória, é um recado muito claro para o Corinthians: “o título pode ser de vocês, mas vão ter que lutar muito”.

Hoje, o timão venceu o Figueirense por 1 a 0; o Vasco derrotou o Fluminense, 2 a 1.

No próximo domingo, o Corinthians só precisa de um empate. Mas terá pela frente o Palmeiras. Já o Vasco terá de vencer o Flamengo, que ainda busca uma vaga na Libertadores. Para ser campeão, o time do Rio tem que vencer e torcer por uma derrota do Corinthians.

Como nessas horas o Brasil se divide entre corintianos e não corintianos, e me incluo no segundo grupo, vou torcer por essa combinação de resultados. Claro, vou desagradar meu filho. Faz parte, né?

Próximos jogos do Corinthians, Vasco, Fluminense, Botafogo e Flamengo

Duas rodadas atrás, fiz um levantamento sobre os próximos jogos do Corinthians, Vasco, Botafogo e Flamengo. Não incluí o Fluminense. E ainda apostei que o timão era o favorito. O que dizer agora? Em seis pontos disputados, o Vasco conquistou apenas um; o Corinthians, três. E o Fluminense entrou na disputa. Dois pontos atrás dos líderes. Por isso, acho que vale incluir o tricolor das Laranjeiras e fazer contas. Será que o time do técnico Abel Braga pode conquistar o bi?

Após 33 rodadas, o Corinthians e Vasco têm 58 pontos; o Fluminense, 56; Botafogo e Flamengo, 55.

Vale acrescentar que, mesmo dois pontos atrás dos líderes, o Fluminense tem o maior número de vitórias no campeonato. São 18. O Corinthians tem 17; Vasco, 16.

Veja os próximos jogos:

VASCO
13/11 – Botafogo (casa)
16/11 – Palmeiras (fora)
19/11 – Avaí (casa)
27/11 – Fluminense (fora)
4/12 – Flamengo (casa)

CORINTHIANS
13/11 – Atlético Paranaense (casa)
16/11 – Ceará (fora)
20/11 – Atlético Mineiro (casa)
27/11 – Figueirense (fora)
4/12 – Palmeiras (casa)

FLUMINENSE
12/11 – América (casa)
16/11 – Grêmio (casa)
20/11 – Figueirense (fora)
27/11 – Vasco (casa)
04/12 – Botafogo (fora)

BOTAFOGO
13/11 – Vasco (fora)
16/11 – América Mineiro (fora)
20/11 – Internacional (casa)
27/11 – Atlético Mineiro (fora)
4/11 – Fluminense (casa)

FLAMENGO
13/11 – Coritiba (fora)
17/11 – Figueirense (casa)
20/11 – Atlético Goianiense (fora)
27/11 – Internacional (casa)
4/12 – Vasco (fora)

Brasileirão: próximos adversários de Vasco, Corinthians, Botafogo e Flamengo

Acabei gastando tempo hoje para preparar um texto sobre os próximos jogos do Campeonato Brasileiro. Na verdade, a proposta era identificar os próximos adversários dos quatro clubes que parecem mais próximos do título.

Após 31 rodadas, o Vasco tem 57 pontos; o Corinthians, 55; Botafogo e Flamengo, 52.

É sempre difícil apostar num favorito. Entretanto, teoricamente, a caminhada do timão é mais fácil. Começo achar que meu filho vai comemorar o título do seu time de coração. Cá com meus botões, preferia o Vasco – até para homenagear o Ricardo Gomes.

Veja os próximos jogos:

VASCO
30/10 – São Paulo (casa)
6/11 – Santos (fora)
13/11 – Botafogo (casa)
16/11 – Palmeiras (fora)
19/11 – Avaí (casa)
27/11 – Fluminense (fora)
4/12 – Flamengo (casa)

CORINTHIANS
30/10 – Avaí (casa)
6/11 – América Mineiro (fora)
13/11 – Atlético Paranaense (casa)
16/11 – Ceará (fora)
20/11 – Atlético Mineiro (casa)
27/11 – Figueirense (fora)
4/12 – Palmeiras (casa)

BOTAFOGO
29/10 – Cruzeiro (casa)
5/11 – Figueirense (casa)
13/11 – Vasco (fora)
16/11 – América Mineiro (fora)
20/11 – Internacional (casa)
27/11 – Atlético Mineiro (fora)
4/11 – Fluminense (casa)

FLAMENGO
30/10 – Grêmio (fora)
6/11 – Cruzeiro (casa)
13/11 – Coritiba (fora)
17/11 – Figueirense (casa)
20/11 – Atlético Goianiense (fora)
27/11 – Internacional (casa)
4/12 – Vasco (fora)

Veja post atualizado após a 33a rodada.

Notas do esporte

SUL-AMERICANA
O Palmeiras venceu o Universitário Sucre pela Copa Sul-Americana. Jogando na Bolívia, a equipe comandada por Felipão fez 1 a 0 e saiu em vantagem na disputa por uma vaga na próxima fase da competição.

SERÁ?
O jogador Ronaldo Fenômeno afirma que vai ajudar a convencer Carlos Alberto Parreira a ser técnico do Corinthians. O atacante joga domingo contra o Guarani.

AMANHÃ…
E pelo Brasileirão dois jogos abrem a rodada nesse sábado. O Flamengo recebe o Internacional, no Engenhão. Em Curitiba, o Atlético Paranaense enfrenta o Goiás.

TRICOLOR DO MORUMBI
Domingo, dois grandes clássicos agitam o campeonato. O São Paulo encara o Santos. O tricolor do Morumbi quer vencer o clássico para convencer que o técnico Paulo César Carpegiani mudou a alma da equipe. Já o Peixe pensa em se aproximar da liderança e disputar o título nacional.

CLÁSSICO CARIOCA
No Rio, Fluminense e Botafogo fazem jogo decisivo. O time de Muricy Ramalho sabe que um empate ou uma derrota podem deixar o tricolor mais distante da ponta da tabela.

RAPOSA
O líder Cruzeiro vai até Porto Alegre pegar o Grêmio. Com fama de carrasco do Grêmio, o atacante Wellington Paulista espera voltar a marcar contra a equipe gaúcha.

OUTROS JOGOS
Ainda no domingo, Atlético Goianiense e Vasco jogam no Serra Dourada; Atlético Mineiro e Avaí fazem jogo dos desesperados na Arena do Jacaré; também tem Vitória e Grêmio Prudente; Palmeiras e Ceará; além de Corinthians e Guarani.

PARANAENSES NA SEGUNDONA
Pela Série B, o Paraná Clube recebe o Brasiliense no Durival de Britto; já o líder Coritiba enfrenta o Sport Recife, na Ilha do Retiro. O time pernambuco quer a vitória diante do líder para se aproximar da zona de classificação para a primeira divisão.

Duas notas do esporte

CRISE?
O Corinthians segue em queda livre pelo Campeonato Brasileiro. Ontem, diante do Vasco, o timão perdeu por 2 a 0 para a equipe carioca. Já são seis jogos sem vitória. A equipe segue sem técnico e está a cinco pontos do líder, o Cruzeiro.

CAMPEÃO?
Também nessa quarta-feira, o Santos bateu o Internacional. Com gol de Neymar, o Peixe derrotou o atual campeão da Libertadores da América e entrou de vez na disputa pelo título nacional. A equipe da Vila Belmiro está seis pontos atrás da Raposa.

Notas do esporte

RAPOSA É LÍDER
O Cruzeiro vence o Fluminense, assume a liderança do Brasileirão e já abre dois pontos sobre o vice-líder. A Raposa fez 1 a 0 no tricolor das Laranjeiras e chegou aos 54 pontos. O Fluminense segue com 52.

CRISE?
O Corinthians agora está cinco pontos atrás do líder. Ontem, o timão perdeu o jogo e o técnico Adilson Batista. O Corinthians perdeu para o Atlético Goianiense por 4 a 3. Foi o quinto jogo sem vitória.

RUBRO-NEGRO
Ainda ontem, o Flamengo empatou com o Avaí. Dois a dois. O rubro-negro saiu na frente, mas cedeu o empate.

OUTROS JOGOS
Nesse domingo, o Goiás venceu o Vitória por 1 a 0; Palmeiras e Botafogo empataram sem gols; o Ceará fez 2 a 0 no Guarani; e o Internacional ganhou do Atlético Mineiro por 1 a 0.

MAIS RESULTADOS
No sábado, o Santos bateu o Atlético Paranaense por 2 a 0 e segue próximo do G4. Vasco e Grêmio empataram em 3 a 3. O São Paulo venceu o segundo jogo, sob o comando de Paulo César Carpegiane. Três a dois sobre o Grêmio Prudente.

PARANAENSES NA SEGUNDONA
Pela Série B, o Coritiba venceu o Bragantino por 3 a 2 e chegou aos 53 pontos. Com o resultado, o Coxa abriu quatro pontos sobre o segundo colocado. Já o Paraná Clube não passou de um empate sem gols com o Icasa.

VÔLEI É TRI
No vôlei, o Brasil é tricampeão mundial. Em uma hora e quatorze minutos, a equipe de Bernardinho fez 3 sets a zero na equipe cubana e conquistou o terceiro título mundial.