As revistas da semana

VEJA: – Rio loves you. Para o Rio e o Brasil, o ano 2016 já começou. O Rio de Janeiro conquistou o direito de sediar os Jogos Olímpicos de 2016, na tarde de sexta-feira. O placar foi folgado. A vitória, arrasadora. O poder econômico de Chicago, a eficiência de Tóquio e a história de Madri ficaram a comer poeira. Na terceira e última rodada de votação, sobraram o Rio e Madri. Vitória carioca por 66 votos a 32. O anúncio, feito pelo presidente do Comitê Olímpico Internacional, Jacques Rogge, foi o reconhecimento de uma candidatura madura e realista – corolário da força de uma economia estável e de uma nação politicamente pacificada. Ainda na edição, o vazamento que adiou o Enem. Depois do vazamento do Enem, o substituto do velho vestibular, o MEC está diante de um desafio: tornar o exame mais imune a fraudes como essa.

ÉPOCA: – O sabor da vingança. O que o novo filme de Brad Pitt, Bastardos inglórios, ensina sobre um dos sentimentos mais primitivos da humanidade. Ainda na edição, reportagem sobre a blogueira cubana Yoani Sánchez. Impedida de sair de Cuba por causa de suas críticas ao regime castrista, a blogueira não deverá comparecer ao lançamento de seu livro no Brasil. O Google lança uma ferramenta que promete transformar a comunicação na web. Será o fim do e-mail? Por temer a violência nas ruas e por superproteção, os pais acabam adiando o momento de deixar os filhos saírem sozinhos. Mas a cautela excessiva pode ser prejudicial ao futuro dos filhos. Afinal, com que idade a criança pode sair só?

ISTO É: – O triunfo do laser. Para os médicos, não há mais dúvida: o método supera todos os outros procedimentos na hora de rejuvenescer o corpo e adiar a cirurgia plástica. “Crianças precisam de liberdade para errar”. Filósofo escocês diz que a sociedade competitiva transformou a infância em uma fase de stress comparável à da vida adulta. José Sarney, o neopetista. Absolvido com a ajuda do PT, o presidente do Senado agora paga a fatura e apoia o MST. E ainda por que ser gentil vale a pena. Estudos mostram que gentileza traz felicidade a quem a pratica. Projetos se dedicam a multiplicar esta virtude.

CARTA CAPITAL: – A vitória da diplomacia. Os golpistas de Honduras recuam e até cogitam reempossar Manuel Zelaya. Para o constrangimento dos defensores brasileiros do golpe. Ainda na edição, reflexos da crise. As vendas in natura para a Europa e EUA caíram 30%, em relação a 2008. Os tumores malignos são os mais frequentes ao intestino grosso do que no delgado. O médico Drauzio Varella ensina como reduzir o risco.

Anúncios

As revistas da semana

Veja: – Desmascarado. Demorou, mas caiu a rede de proteção de Roger Abdelmassih, o maior especialista brasileiro em reprodução assistida. Ele foi preso sob a acusação de estuprar dezenas de pacientes. A reportagem da Veja traz depoimentos de vítimas do médico. Na capa, o resumo da fala de uma delas. A paciente conta que Roger Abdelmassih a acuou contra a parede, colocou a mão sobre o seu seio. O médico teve o registro profissional suspenso. A Veja traz uma reportagem especial sobre a Coreia do Norte – onde não há celular nem internet, crianças de 5 anos recitam juras de vingança contra os Estados Unidos e é proibido dobrar jornais que trazem a foto do líder Kim Jong-II. A revista, ao avaliar o comportamento de Lula para salvar Sarney, sustenta que a prioridade do presidente é ele mesmo.

Época: – As 100 melhores empresas para trabalhar. O guia essencial para sua carreira. A lista deste ano mostra que um bom ambiente de trabalho pode resistir até ao abalo de uma crise. Traição 2.0 – programas para celular e sites especializados facilitam e incentivam casos extraconjugais. Ainda na Época, quem fica com sua gorjeta? Os garçons querem que os 10% pagos pelo cliente sejam incorporados ao salário. Até uma CPI surgiu para saber aonde vai esse dinheiro. E, o impressionante depoimento de uma ex-paciente que afirma ter sido estuprada por Roger Abdelmassih, o especialista em reprodução preso e acusado de cometer 56 crimes sexuais.

Isto É – Quando o exercício não emagrece. O aumento do apetite, o impulso de se recompensar e a falta de autocontrole sabotam o esforço para perder peso. A Isto É apresenta o que você deve fazer – e comer – para que a atividade física realmente dê resultado. Na revista, o caso Sarney. O PT esquece a ética, garante a pizza e entra em crise. Uma reportagem revela que os bate-bocas de Dilma Rousseff com auxiliares irritam o PT, que cobra da candidata postura menos arrogante e impulsiva.

Carta Capital: Dilma versus Lina. A versão e o fato de mais um furo n’água. O depoimento de Lina Vieira no Senado não rendeu os frutos esperados pela oposição. Ainda na edição, o bilionário Eike Batista na mira do Ministério Público Federal e os 40 anos da Embraer. O mês de julho foi marcado por desemprego em baixa e renda em alta.

As manchetes do dia

– Gripe A: 20 cidades da região cancelam aulas
O jornal O Diário destaca que os municípios da Amusep decidiram seguir orientação do Ministério Público Federal e as aulas ficam suspensas até o final de agosto. Em Maringá, nova reunião hoje define se escolas continuam funcionando.

– Negociações devem reativar linha de trem entre Maringá e Londrina
A manchete do Hoje Notícias trata da volta de trem de passageiros entre as cidades. A reportagem do jornal sustenta que a proposta tem tudo para prosperar graças ao entendimento público e a iniciativa privada. O assunto será tratado numa reunião na próxima quarta-feira, às 14h30, na Universidade Estadual de Maringá.

– Amusep pede suspensão de aulas e adiamento de eventos
O Jornal do Povo fala da reunião de ontem com representantes dos municípios ligados à Amusep. Dos 30 municípios que integram a associação, 26 estavam na reunião. Os municípios de Astorga, Atalaia, Ivatuba, Marialva e Maringá foram contra a decisão de suspender as aulas.

Umuarama Ilustrado
Requião entrega ônibus hoje em Umuarama

Diário do Noroeste
Volume de chuva em agosto já é 34,8% maior do que média histórica

Folha de Londrina
Gripe A deixa milhares de alunos em casa

Gazeta do Povo
PR é um dos que menos gastam com segurança por habitante

Jornal do Brasil
Cerco aos fumantes se espalha pelo país

O Globo
Planalto quer senador que ajudou a salvar Sarney na liderança do PT

Valor Econômico
Empresas veem retomada gradual, sem investimentos.

O Estado de S.Paulo
Senado valida ato secreto que favorece sobrinha de Sarney

Folha de S.Paulo
Insatisfeitos podem deixar PT, diz Lula

As manchetes do dia

– Paraná tem maior índice de mortes por gripe no País
O jornal O Diário destaca que, com a confirmação de mais 11 óbitos, o Estado contabiliza 119 mortes pela gripe suína. O índice de mortalidade é superior ao da Argentina, país que mais sofreu com a nova doença. A taxa de mortalidade aqui é de 1,11 por 100 mil habilitantes, enquanto a média nacional é de 0,19.

– Prevenção reduz queda de árvores em Maringá
A manchete do Hoje Notícias trata da remoção de árvores pelas equipes de serviços públicos da prefeitura de Maringá. A vida útil das árvores está vencida. Por isso, há fila de espera para retirada de árvores. Hoje, existem 2,5 mil com parecer técnico para serem cortadas.

– Rio segue exemplo de Maringá e inaugura ATI
O Jornal do Povo fala da participação do prefeito de Maringá na inauguração de uma Academia da Terceira Idade, no Rio de Janeiro. O prefeito foi convidado por Eduardo Paes, por ter inserido as academias no Brasil. Maringá foi a primeira cidade a contar com as ATI’s. Hoje elas estão em mais de 700 municípios.

Diário do Noroeste de Paranavaí
Tamiflu passa a ser receitado por todos os médicos de Paranavaí

Umuarama Ilustrado
Começa a restrição ao cigarro no Paraná

Folha de Londrina
Denúncias contra Sarney são arquivadas

Gazeta do Povo
Lei Antifumo. 90 dias para Curitiba definir fiscalização

Jornal do Brasil
Economia global já está de volta à estabilização

O Globo
Absolvição de Sarney e saída de Marina estremecem o PT

Valor Econômico
Crise nas usinas favorece empresas de combustível

O Estado de S.Paulo
PT ajuda a engavetar caso Sarney e entra em crise

Folha de S.Paulo
PT obedece a Lula e salva Sarney

As revistas da semana

Veja: – Fé e dinheiro. Uma combinação explosiva. A revista traz um especial sobre a Igreja Universal do Reino de Deus. O Ministério Público de São Paulo acusa Edir Macedo e mais nove integrantes da Igreja Universal de usar o dinheiro de doações de fiéis para fazer negócios e engordar o próprio patrimônio. Na Veja, uma reportagem sobre o livro do jornalista Ali Kamel. Num trabalho de pesquisa magnífico, o jornalista reúniu as falas do presidente Lula. Sem julgamentos e correções na linguagem de Lula, Ali Kamel consegue mostrar o pensamento do presidente sobre vários temas. E ainda a história do apresentador de TV que mandava matar. Como o apresentador e o bandido eram o mesmo, programa de TV de Manaus tinha a notícia em primeira mão. Trata-se da história do deputado Wallace Souza.

Época: – Presidente Marina? Como a candidatura de Marina Silva – a ambientalista admirada por sua biografia e temida por suas ideias radicais – embaralha o jogo eleitoral. A senadora afirma que nem a ameaça de perda de mandato pode impedir sua ida para o PV para disputar a Presidência. Na Época, como é (realmente) o sexo dos casais. Uma pesquisa australiana mostra um universo de homens rejeitados e mulheres sem desejo, massacradas pelas tarefas domésticas. A revista traz a história da repórter que desvendou o esquema da Universal. O trabalho perseverante da jornalista Elvira Lobato – publicado no livro Instinto de repórter – foi decisivo para a denúncia da rede de lavagem de dinheiro montada pelo bispo Edir Macedo. E um especial de educação. A melhor escola para passar no vestibular, conseguir emprego, ser feliz. Uma reportagem também revela que a pior educação do país é oferecida no ensino médio.

Isto É:
– O Brasil não é só PT e PSDB. A senadora Marina Silva prepara candidatura pelo PV e aparece com até 24% nas pesquisas, o que mostra que o eleitor quer um novo debate na sucessão de Lula. Marina inclui a questão ambiental na disputa eleitoral. Também na Isto É, as marcas do amor. O fim de um relacionamento e até a distância temporária entre amados podem ter impacto direto sobre a saúde. E como o botox é usado para tratar derrame e dor nas costas. O botox também será testado no tratamento da obesidade.

Carta Capital: Histórias de uma guerra civil. Francisco Marcelo, morador da favela da Maré, conta sua vida entre o tráfico e a violência policial. Ainda na edição, pesquisas comprovam que boa parte dos consumidores não sentiu a crise. E a revista ainda sai em defesa da ministra Dilma Rousseff. A Carta Capital trata da acusação feita secretária da Receita Federal, Lina Maria Vieira contra a ministra, afirmando que Dilma pediu o fim de investigação contra Sarney. A revista acusa a mídia de dar voz a Lina Maria Vieira, mesmo sem a secretária da Receita ter apresentado provas concretas contra a ministra.

O lado bom da permanência de Sarney

Vários protestos estão sendo organizados para gritar “fora Sarney”. Este grito – embora não seja, segundo o próprio coronel-senador, das classes C, D e E -, precisa ganhar força. Renan Calheiros sobreviveu à pressão da mídia. Caiu da presidência, mas manteve o status e o poder. Sarney parece ainda mais difícil de ser derrubado. Por isso, a sociedade deve se mobilizar.

Mas, cá com meus botões, tenho avaliado um ponto positivo nessa permanência de Sarney no cargo. Enquanto o coronel-senador se mantém no comando da principal casa de leis do país, aliados e adversários dele vão revelando ao país uma série de outros problemas escondidos debaixo desse grande tapete que há anos sustenta muitos desses homens no poder.

Se tivéssemos brigas semelhantes noutras instâncias – Câmaras, Prefeituras, Assembléias, Judiciário etc -, certamente avançaríamos ainda mais na descoberta de atos secretos, contratações duvidosas, gastos abusivos, desvios de recursos…

As manchetes do dia

– Número de mortos pela gripe A chega a 25 no PR
O jornal O Diário destaca que o Estado passou a ser o terceiro com maior número de óbitos, atrás de São Paulo e Rio Grande do Sul. Maioria das mortes registradas até o momento aconteceu em Curitiba. No país, o vírus da gripe suína já vitimou 129 pessoas.

– Com temor à gripe A, 11 mil alunos da rede municipal faltam às aulas
A manchete do Hoje Notícias trata dos reflexos da gripe suína nas escolas, Noventa e cinco por cento dos pais decidiram pela manutenção das aulas; no entanto, quem optar em ficar em casa não levará falta. Ontem, 45% dos alunos ficaram em casa. No Paraná, há mais de 600 casos confirmados de pessoas infectadas pelo vírus da nova gripe.

– Pais decidem manter atividades em creches e escolas
O Jornal do Povo também trata da decisão dos pais maringaenses de manter as aulas na rede municipal de educação.

Diário do Noroeste de Paranavaí
Sobe para seis o número de suspeitos com a gripe internados na Santa Casa

Umuarama Ilustrado
Dispara o número de mortos pela gripe suína no Paraná

Folha de Londrina
Paraná confirma 25 mortes por gripe A

Gazeta do Povo
Já são 25 as mortes por gripe A no Paraná

Jornal do Brasil
Desigualdade de renda caiu durante a crise

O Globo
Cerco à mídia venezuelana é condenado, menos no Brasil

Valor Econômico
Sobra crédito à exportação e US$ 16 bi retornam ao BC

O Estado de S.Paulo
Decisão do PT fortalece Sarney

Folha de S.Paulo
Governo pretende ficar com 80% do petróleo do pré-sal

O olhar e o dedo do Collor

collor_assustadorAssustador. Deu medo. Foi mais ou menos essas as reações do senador Pedro Simon diante de um Fernando Collor irado. A história foi ontem. Todo mundo já viu. O bate-boca entre os senadores foi só mais um capítulo da crise na principal casa de leis do país.

O que achei curioso foi a declaração dada, hoje, por Simon de que sentiu medo ao ver Collor esbravejando pouco abaixo da tribuna. Se estivesse lá também teria sentido o baque. Acho que qualquer um teria as mesmas sensações. O ex-presidente parece fazer parte não apenas do grupo de coronéis da política. Também parece pertencer ao time daqueles que eliminam seus adversários.